Como a falta de sono atrapalha seu trabalho

Trabalhar bocejando ou até mesmo dando aquelas “pescadas” são situações que você já deve ter vivido ou visto acontecer com alguém. Passar o dia desse jeito não é nada agradável. Além de ficar pensando em só voltar para cama, a produtividade cai completamente.

Em dias assim, quando o sono atrapalha o trabalho, parece que uma simples decisão se torna muito mais complexa. E se torna mesmo. Mas isso é apenas um dos vários prejuízos que uma noite mal dormida ou não dormida pode causar. Se você não está ciente dos riscos que a falta de sono causa no trabalho, confira o que pode acontecer com a sua produtividade.

1. Concentração

Sabe aquele momento que os olhos começam a fechar e você começa a se entregar para o sono? É a sonolência. Se não dormimos bem, passamos o dia sonolentos, e nesse estado o cérebro diminui sua capacidade de concentrar, ser criativo e resolver problemas que, em dias que descansamos bem, seriam solucionados bem rápido.

2. Resistência

Dormir mal afeta não só a concentração, mas também a resistência física. Isso acontece porque aumenta a percepção da exaustão, ou seja, a falta de sono passa a percepção de que o cansaço físico é maior do que ele realmente é.

Um estudo da Universidade de Wisconsin, nos EUA, feito com atletas de ciclismo, mostrou que uma noite de sono ruim após um dia de treinos pode diminuir em até 4% o tempo de prova dos atletas. Quedas de performance parecidas foram percebidas em jogadores de vôlei e atletas amadores em um teste em esteira.

3. Aprendizado

O sono é essencial para o aprendizado. É que quando dormimos, o que aprendemos é “passa” da “caixinha” da memória temporária para a “caixinha” da memória a longo prazo e pode ficar ali por tempo indefinido. É nesse momento que acontece o aprendizado de verdade.

4. Dores de cabeça

Para quem sofre de enxaquecas, a privação do sono é um gatilho para as crises. De acordo com um estudo de diferentes universidades americanas, elas também se tornam mais frequentes e intensas.

As explicações para essa relação são duas. A primeira é que sono e enxaqueca compartilham alguns mecanismos do cérebro. A segunda é que as baixas taxas de melatonina ajudam a causar as enxaquecas.

5. Reação

Quando dormimos o tempo de reação do cérebro aumenta. E quanto menos dormimos, mais diminui a nossa capacidade de reagir a estímulos. Um estudo norte-americano confirmou esse efeito em atletas de natação. Os pesquisadores perceberam que nadadores que dormem 10 horas por noite saltam do bloco de partida mais rápido e melhoram seus tempos de virada e a velocidade de batida de pernas.

6. Deixar de ir ao trabalho

A privação do sono ou noites mal dormidas afetam até mesmo a presença no trabalho. Um estudo canadense com quase mil pessoas mostrou a relação entre insônia e faltas no trabalho. As pessoas que dormem pior costumam faltar mais. Enquanto a pesquisa foi feita, 25% das pessoas que sofriam de insônia faltou ao trabalho. Já a taxa de abstenção para quem não tinha o distúrbio ficou em 17,1%. 

Por que se preocupar em dormir bem?

Uma boa noite de sono deixa a pessoa efetivamente muito mais produtiva do que se ela mesma tivesse um sono ruim. O que faz uma noite bem dormida: 

  • Recupera o cérebro mais rápido de distrações, além de 
  • Aumentar a memória e a capacidade de reter informações novas 
  • Melhora a qualidade das decisões urgentes e diminui os erros no trabalho.

No Persono sempre recomendamos para as pessoas que estão com dificuldades para dormir que procurem um médico especialista em sono. Ele é o profissional que vai diagnosticar possíveis problemas e indicar o tratamento ideal.

Boa noite!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email

Conteúdos que você vai gostar também: