4 perguntas sobre o sono que você sempre quis fazer e não tinha pra quem

O mundo do sono é cheio de curiosidades, mitos e verdades. É um universo tão grande que a ciência não tem coragem de dizer que conhece tudo sobre ele. Ainda há uma infinidade de mistérios e perguntas sem respostas. Entre elas, uma muito importante: o que é dormir bem?

Acredite se quiser: essa realmente é uma pergunta que ainda não tem uma resposta concreta.

Só que também existe um montão de perguntas curiosas sobre o sono que já foram respondidas e você nem imaginava, algumas delas relativas àquelas mentiras que até a sua avó te contava sobre a hora de dormir. Duvida? Então vamos lá!

1. É verdade que quanto mais sono, melhor?

É mentira! Dormir demais é tão prejudicial quanto dormir pouco! O nome disso é hipersonia.

Dormir muito além do “normal” pode ser sinal de que algo não vai bem na sua saúde. Desde infecções até lesões cerebrais podem fazer uma pessoa dormir muitas horas. Também existem causas primárias da hipersônia, como a narcolepsia

Agora, por que dormir muito faz mal? Por vários motivos. 

Passar muito tempo abraçado com Morfeu causa dificuldade de atenção e concentração, prejuízos à memória, atrapalha a capacidade de planejamento e a coordenação motora e dificulta o controle de impulsos. Precisa falar mais?

2. Por que eu acordo todos os dias no mesmo horário?

Depende. Podem ser diversas razões que fazem com que você acorde todas as madrugadas às 2:37 da manhã. Dá só uma olhada:

  • Padrão de urinação: Se você bebe água logo antes de dormir, é normal que mais ou menos no mesmo horário você precise urinar. Neste caso, tente diminuir a quantidade de líquidos à noite.
  • Alimentação: Você pode estar ficando com fome, o que te faria acordar, ou sofrer de refluxo. Neste caso, é similar à urinação: comendo no mesmo horário, é de se esperar que os efeitos apareçam no mesmo horário, sobretudo nos dias em que o jantar for mais pesado. 
  • Saúde Mental: Ansiedade, depressão e estresse são alguns dos transtornos mentais que podem dificultar a manutenção do sono. O cérebro está sob tanta pressão que não consegue continuar dormindo. 

O uso de determinados medicamentos e a flutuação do açúcar no sangue também podem te fazer acordar sempre na mesma hora.

3. É verdade que dá pra compensar o sono?

Mentira das grandes! O sono não é um cheque que pode ser compensado!

O sono passa por ciclos repetidos para cumprir todas as noites, o que permite que você se aproveite de todos os benefícios de dormir. Alguns desses benefícios são imediatos e você já percebe no dia seguinte, como a fixação de memórias.

Então não, dormir mais no sábado porque você dormiu pouco na sexta não vai resolver. 

Quando você precisar de um descanso extra porque dormiu mal, tudo bem. Acontece às vezes. Desde que você se lembre que o sono perdido, perdido está.

4. Por que a gente sempre acorda na melhor parte do sonho?

Acredite: até para isso tem explicação! 

A maioria dos nossos sonhos acontecem durante o sono REM, uma fase do sono na qual a atividade cerebral é muito grande, bem parecida àquela de quando estamos acordados

Essa atividade cerebral é tão intensa, que o sonho pode assustar a ponto de nos acordar. A emoção é tão grande, que acaba despertando o corpo. 

A teoria mais aceita é que não é que você acorda “na melhor parte” do sonho, é que todas as partes parecem ser as melhores porque a narrativa foi construída durante o sono REM, que por si só cria sonhos mais lúcidos e vívidos. 

Como dizem por aí, não é magia, é tecnologia.

Boa noite! 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email

Conteúdos que você vai gostar também: